gnôthi seautón

gr. gnôthi seautón: "Conhece-te a ti mesmo." Fórmula atribuída pela primeira vez por Antístenes a Tales (DL., I, 40). Segundo Demétrio de Falero, seu autor seria Quílon de Lacedemônia (Müllach, fr. 3). E também encontrada em Pítaco (Sentenças, 16). Sócrates viu-a inscrita no frontispício do templo de Apolo em Delfos (Xenofonte, Mem., IV, II, 24). v. Epicteto [Leituras, I, XVIII, 17). [Gobry]

Primeiro Alcibíades

PRIMEIRO ALCIBÍADES

Sobre a justiça. "Conhecer-se a si mesmo é o fim do homem, que consiste em conhecer-se a si mesmo enquanto alma". "O homem é a alma" (130c-131a). A virtude é necessária tanto para o indivíduo como para a cidade.