Alcino

Médio-platonista do meio do segundo século dC, célebre por sua obra sobre o pensamento de Platão, Didaskalikos. Também conhecido como Albino ou Albinus (fl. c. 150 AD) foi um filósofo platônico que viveu em Esmirna e foi mestre de Galeno. Um pequeno tratado de sua autoria intitulado Introdução aos diálogos de Platão (Didaskalikos) veio até nós.

Opinião (doxa)

Referência: 
Didaskalikos

Segundo Sorabji (2005, p;34), Alcino, o médio-platonista autor do Didaskalikos entre o primeiro e o segundo século dC, assume que Platão sustentava que mesmo a percepção de cor ou do colorido não é se

agnostos

ágnôstos: desconhecido, não cognoscível

1. Devido à transcendência de Deus surgem alguns problemas acerca da possibilidade de este ser um objeto de conhecimento. Um agnosticismo simples é defendido por Protágoras (Diels, frg. 80B 4) onde a questão se subdivide em duas: a de saber se os deuses existem e a de qual é a sua natureza; o problema da agnosia trata, mais propriamente, do último aspecto (sobre a questão da sua existência, cf. theos).

Theme by Danetsoft and Danang Probo Sayekti inspired by Maksimer